Cadastre-se e tenha acesso a todo conteúdo do portal.
   


 

Assuntos Quentes

 


Voltar Imprimir


Participe da Maratona do Conhecimento e concorra a prêmios!

 

Estudo do Citoplasma - Conceitos Iniciais


 
Como foi dito no capítulo “Introdução à Citologia”, a célula procariótica apresenta uma estrutura bem simples, não possuindo endomembranas ou organelas com funções específicas (apenas ribossomos). Por outro lado, as células eucarióticas realizam diversos processos específicos e possuem um complexo conjunto de organelas com funções distintas.
 
Vejamos as principais funções e especialidades dessas organelas e sistemas membranosos no citoplasma das células eucarióticas animais e vegetais.
 
CONCEITOS INICIAIS
 
Hialoplasma ou matriz citoplasmática: O hialoplasma é um líquido gelatinoso e amorfo que preenche o citoplasma das células. Ele é constituído, basicamente, de água e proteínas. Dentro do hialoplasma ficam mergulhadas as organelas citoplasmáticas.
 
Citoesqueleto: Representa o esqueleto e a musculatura da célula. Sua principal função é a de organizar e manter a forma da célula, além de ser responsável pelos seus movimentos internos.
 
REVESTIMENTOS CELULARES
 
Parede celular: A parede celular é um envoltório que está presente em diversos seres vivos (plantas verdes, algas, fungos e muitas bactérias). Suas principais funções são o suporte e a proteção da célula, além de evitar que esta se rompa quando submetida a um meio hipotônico.
 
Glicocálix: (Glico = açúcar; calix = envoltório) É um envoltório presente nas células eucariontes animais, responsável por dar mais resistência à membrana plasmática. Ele é composto de carboidratos unidos às proteínas e lipídios da membrana plasmática.
 
SISTEMAS MEMBRANOSOS
 
Complexo de Golgi ou Golgiense: Presente apenas em células eucarióticas, o complexo de Golgi é um conjunto de membranas que originam sacos achatados, uns sobre os outros. Suas principais funções são: armazenamento de proteínas, secreção de substâncias e formação de glicoproteinas.
 
Retículo endoplasmático: É um sistema de tubos e vesículas lipoprotéicas presentes em células eucariontes. Divide-se em dois tipos:
 
Retículo endoplasmático liso: É constituído de membranas lisas e filamentos tubulares, não apresentando ribossomos em sua estrutura. Suas principais funções são: desintoxicação celular, armazenamento de diversas substancias, síntese de lipídios (em geral, esteróides), participação do processo de circulação celular.
 
Retículo endoplasmático rugoso: Possui membranas com vesículas e canais achatados com ribossomos agrupados. É responsável, principalmente, pela síntese de proteínas para a exportação.


 



Participe da Maratona do Conhecimento e concorra a prêmios!


Voltar Imprimir

 


 

Assuntos Quente
Brasil Regional - Parte 1


Semântica - Fenômenos Semânticos


Os Seres Vivos e o Meio Ambiente


Função do Segundo Grau


 

 

Fique Sabendo Mais
O que é condução térmica?

Quais são as características do cerrado brasileiro?

O que é e quando ocorre sujeito inexistente?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Qual prova do Enem você acha mais difícil?

Ciências da Natureza.

Ciências Humanas.

Linguagens.

Matemática.